sábado, 16 de setembro de 2017

Resumo da novela "Ribeirão do Tempo" de 18 a 22 de setembro de 2017

No capitulo 140, segunda-feira, 18 de setembro – Sereno conta sobre o seu passado e Marta se admira com o conhecimento que ele tem. Clorís insinua a Flores que quer morar junto dele e o professor se esquiva. Léia liga para Flores enquanto Clorís está na casa dele. Flores dispensa Léia educadamente e diz a Clorís que só estava ajudando uma mãe sofrida. André consegue fazer com que Diana saia do carro e quando ela sai, Joca e Arminda estão observando tudo. Joca se coloca na frente do carro de André, que tenta sair, mas o detetive o ameaça com sua arma e todos vão para o Solar. Cardoso interrompe a conversa de Marta e Sereno, que fica zangado. Marta pede para continuar a conversa outro dia porque precisa trabalhar. Arminda leva Diana para conversar no quarto enquanto Joca conversa com André na sala. André conta o que aconteceu para Joca, que o deixa ir embora. Diana não se conforma com a situação, mas Joca consegue acalmá-la. Arminda consegue conversar com Diana e diz entender o que se passa com a menina. André chega a sua casa e Patrícia, que estava tensa, fica mais tranqüila. Tito sonha com Filomena e Karina nuas e fica na dúvida sobre quem ele quer. Tito acorda gritando e Filomena fica preocupada. Tito resolve ir ao congresso de hotelaria no lugar de Virgílio. Chega o dia da votação em Ribeirão do Tempo. Querêncio toma um café com Sancha, Romeu, Bruno e Teixeira e vai votar. Ari anda de um lado para o outro, tenso com a possibilidade de não se reeleger. Querêncio caminha para votar e o povo o saúda pelas ruas. Arminda acorda Diana, que faz drama, não quer comer nem tomar café. Tito confessa a Newton que vai viajar para dar um tempo da cidade porque tem sonhado com Karina. Tito avisa Filó que vai ao congresso e explica que não a convidou porque vai ser muito chato para quem não entende do assunto. Filomena não argumenta e Tito a leva para votar. Querêncio abraça Marisa depois de votar e diz que ela será a primeira dama de Ribeirão. Marisa tenta evitar o constrangimento. Joca conversa com Carmem sobre André. André conta o aconteceu para Sérgio, que diz que tudo pode piorar se Sônia ficar sabendo da confusão. Arminda se irrita com a forma como Diana fala com ela. Na mesa de café da manhã, Diana confronta Arminda e diz que não agüenta mais tanto controle sobre ela. Joca explica a Carmem o que aconteceu e que Arminda pediu para investigar a vida de André. Tito e Filomena chegam à zona eleitoral e se deparam com Karina, que os cumprimenta.


No capitulo 141, terça-feira, 19 de setembro – Carmem diz para Joca não se preocupar com André. Logo que Joca sai, Carmem liga para Sônia e pede para se encontrar com ela. Karina fala com Zuleide sobre suas pretensões políticas e seu encontro com Tito na junta eleitoral. Ela diz que percebeu que ele ficou mexido. Karina provoca Tito e Filomena quando eles saem da votação, só para provar a Zuleide que ela mexe com Tito. Filomena pergunta se Tito fica abalado com a presença de Karina e ele nega. Filomena diz que votou nulo porque acha que não vai fazer bem a Querêncio se tornar prefeito. Joca vai à casa de André falar sobre o que houve. Sônia está enjoada, acha que foi algo que comeu. Carmem explica por que Joca quer informações sobre André. Sônia sai do banheiro depois de vomitar. Diz que se sente melhor e continua a conversar com Carmem. Sônia diz que quer saber o que aconteceu da boca de André. Ari acaba de votar e agradece Virgínia pelo apoio. Jumento está confiante na sua reeleição. Querêncio, Bruno, Célia e Teixeira aguardam os resultados da eleição na boate. Marisa ensaia com outras meninas e evita ficar perto de Querêncio. Arminda liga para Joca e pede para que ele converse com Diana para acalmá-la. Joca insiste para que Arminda assuma o que sente por ele. A empresária muda de assunto e o detetive garante que André não fez nada com Diana. Joca diz para Diana que André é apaixonado por Sônia e a menina não aceita. Sônia continua enjoada. Virgínia percebe que a filha não está bem e a quer levá-la ao médico. A menina diz que, por enquanto, não precisa ir ao médico e Virgínia não insiste. Sônia fica remoendo em pensamento as palavras de Carmem sobre Diana e André. Diana começa a aceitar que André não a ama, mas insiste que só ela pode fazê-lo feliz. Joca diz a Arminda que Diana está mais calma. Arminda remarca o seu encontro noturno com Joca. Em um protesto silencioso do Comando Invisível, André conta a Sérgio sobre a visita de Joca. Ajuricaba faz um discurso a favor de Ari no Agito Colonial. Ari discursa para seus correligionários. Sereno fica nervoso, pois não entende o que Flores planeja. O professor explica a Sereno seu plano para desmoralizar a democracia. Nicolau diz a Karina que se Querêncio ganhar começará a segunda parte de um plano secreto. Lincon diz a Lílian que só precisarão fazer uma capa, pois ele sabe de primeira mão quem venceu as eleições. Ari toma um chope para aliviar a pressão e Ajuricaba liga para o fiscal do partido na apuração. Ao telefone, o fiscal diz que vai falar pessoalmente com Ari Jumento, que fica ainda mais nervoso. Na boate, Lincon anuncia a vitória de Querêncio e todos comemoram. Karina recebe por telefone a notícia sobre o resultado e comunica a Nicolau, que vibra. Sônia se arruma para ir falar com André e relembra Carmem falando de André e Diana. Ajuricaba leva Ari para sua casa, desolado e de porre. Ao chegar, percebe que Sônia está de saída. Sônia, irritada, sai sem dizer para onde vai. Ajuricaba fica furioso.

No capitulo 142, quarta-feira, 20 de setembro – Querêncio cobra a promessa de Marisa, que está relutante em aceitar casar-se com o novo prefeito de Ribeirão. Bruno, Célia, Romeu, Lincon e correligionários comemoram a vitória de Querêncio. Bruno fica embriagado e deixa Célia constrangida com seu comportamento exagerado. Nicolau e Karina chegam à boate. Lincon sai para preparar a manchete. Querêncio sai do camarim abraçado à Marisa para comemorar a vitória e pede uma rodada na conta de Nicolau para todos antes de fazer seu discurso. Lílian pergunta sobre o Senador a Lincon, que vai para casa e deixa a edição do jornal por conta dela. André bebe com Carmem, Sérgio e o pessoal do Comando Invisível. André vai para casa estudar e os outros ficam. Sancha fala com Léia sobre Flores e Léia fica tensa porque Joca está em casa. Joca chega à sala, mas não ouve nada. Ele diz que tem tarefas urgentes para cumprir e não pode ir a boate comemorar. Querêncio sobe ao palco para discursar enquanto beberica um copo de cachaça. Em vez de falar sobre política, ele pede para Marisa subir ao palco e anuncia que ela será a primeira-dama de Ribeirão. Marisa sobe ao palco constrangida e preocupada. Sônia chega ao bar Já Era à procura de André. Carmem a chama para beber, mas ela diz que precisa falar com André e que anda ruim do fígado. Sônia vai à casa de André e dá de cara com Patrícia e Lincon, que estranham a presença da menina. Marta tenta animar Ari, que faz um drama. Virgínia consegue segurar Ajuricaba, que está louco para ir atrás de Sônia. Ajuricaba, furioso, diz a Ari que de um jeito ou de outro vai acabar com a raça do cachaceiro. Sônia e Lincon discutem e André aparece, preocupado com a gritaria. Os dois vão conversar no quarto e Patrícia detém Lincon, que quer impedi-los de conversar. A sós, Sônia pergunta sobre Diana a André. Patrícia discute com Lincon, que está uma pilha de nervos. Arminda tenta convencer Diana a esquecer André. André tenta convencer Sônia de que não deu bola para Diana. Sônia se descontrola e tem uma crise de choro. André fica sem entender a reação repentina. Carmem recebe uma ligação de Virgínia, que quer saber de Sônia. Carmem inventa que Sônia foi estudar com uma amiga, mas Virgínia e Ajuricaba não acreditam. Patrícia perde a paciência e explode com Lincon, que se assusta. Sônia diz a André que não aguenta ficar mais longe dele e que está adoecendo por conta disso. Patrícia pede para entrar no quarto e André abre a porta. Lincon bufa na sala como uma fera. Patrícia diz que André vai levar Sônia em casa e Lincon entrega as chaves do carro de má vontade. André quer enfrentar Ajuricaba, mas Sônia o convence de que não é uma boa hora. Ajuricaba esbraveja em cima de Sônia, que tem outra crise de choro, Virgínia fica brava com o delegado. Lincon explode e diz que se André insistir com Sônia terá de sair de casa. Patrícia fala que se André for, ela também vai. Querêncio zanza inquieto pela sala de Sancha e Romeu, pois Marisa quer dormir sozinha. Arminda e Joca conversam depois de transar. O detetive faz suas juras de amor e diz quer morar com Arminda, que o rejeita como sempre. Tito faz as malas e acorda Filomena para se despedir. Filomena pergunta a Newton e Mateus se eles vão dar ou não o curso de salto para ela. Newton diz que se ela estiver firme, eles irão ajudá-la.

No capitulo 143, quinta-feira, 21 de setembro – Nasinho diz a Virgílio para denunciar anonimamente às autoridades aéreas que Newton está respondendo a processo na Justiça. Assim ele não poderá trabalhar como instrutor de saltos de paraquedas e a pousada ficará prejudicada. Filomena fica tensa com a explicação das etapas do curso de salto transmitidas por Newton. Lincon espera André para conversar no café da manhã. O rapaz não dá bola para o pai e diz que vai à casa de Ajuricaba tentar resolver a situação de uma vez. Ajuricaba espera indócil Sônia acordar e desconfia que ela tenha fugido novamente. Virgínia vai ao quarto da filha para evitar outro confronto entre os dois. Sônia não está passando bem e resolve ir ao médico com a mãe. Iara se diverte com o medo de Filomena, que é parabenizada pela primeira aula com Newton. Querêncio conversa com Marisa sobre o casamento e ela, mesmo hesitante, prossegue com a promessa. Querêncio e Marisa vão dar entrada nos papéis do casamento e encontram com Sereno e depois com Fátima, que o parabenizam pela vitória. Filomena conta a Ellen que vai aprender a saltar de paraquedas. A ambientalista fica espantada. icolau pede para que Karina modernize a casa da fazenda. Beatriz não gosta da ideia, mas deixa a modista dar a sua opinião. A sós, Nicolau coloca uma arma na mão de Karina e pergunta se ela é capaz de usá-la para remover obstáculos que atrapalhem seus planos. Karina diz que, com o apoio dele, topa tudo. Nasinho liga para Nicolau e conta as armações que combinou com Virgílio. O senador diz para Nasinho continuar enrolando Virgílio. Karina pergunta sobre o quê era a ligação e Nicolau diz que, por enquanto, ela ainda não precisa saber de tudo. Querêncio toma uma cachaça no bar Já Era e Filomena chega para dar os parabéns pela eleição. Ellen liga para Newton e o recrimina por ensinar Filomena a saltar, já que ela não tem o perfil e só está fazendo isso por Tito. Newton e Ellen marcam de se encontrar escondidos para conversar melhor. Filomena diz para Querêncio ficar atento para não ser enganado por ninguém. Ele diz para Filó não preocupar, porque ele é mais inteligente e esperto que todos. Diana conversa com Carlos sobre André. Carlos conta para Diana que Guilherme está mal, tirando notas baixas e sem falar com ninguém. Diana pensa em falar com Guilherme. Ellen conversa com Newton em um motel. Querêncio, Teixeira, Bruno e Célia dizem que a Patrimônio Eterno pode bancar a nova moradia dele com Marisa, mas depende da aprovação de Arminda. Querêncio vai falar com Arminda. Ajuricaba continua querendo falar com Sônia. Virgínia o impede e ele sai irritado. Sérgio e André marcam um encontro na praça. Ajuricaba visita a delegacia e fica sabendo que a corregedoria ainda não se manifestou sobre o seu caso. Querêncio diz a Arminda que precisa de dinheiro. Sérgio espera por André na praça lendo um jornal e Ajuricaba senta ao lado dele sem que ele perceba. Quando o rapaz vê o delegado, entra em pânico.

No capitulo 144, sexta-feira, 22 de setembro – Carlos diz a Elza que Diana pediu para ela ligar para o celular dela. Diana chega à casa de Guilherme para conversar. Ajuricaba tira satisfações com Sérgio por tê-lo enganado. André vê Ajuricaba pressionando o amigo e se esconde atrás de um carro. Dr. Renato conta a Virigínia e Sônia que suspeita de que a menina esteja grávida. Estarrecida, Virgínia desmaia. Diana e Guilherme acabam discutindo quando a menina começa a falar que amadureceu. Diana atende a ligação de Elza e diz que está na casa de um amigo, mas que já está indo para casa. Ajuricaba faz ameaças e manda Sérgio avisar André para que se afaste de sua filha. Virgínia se recupera e Sônia vai tirar uma amostra de sangue. Arminda diz a Querêncio que a empresa pagaria o aluguel, mas insiste que ele more no Solar. O pintor diz que moraria lá se Arminda e Diana permanecessem na casa com ele. Arminda aceita o convite. Bruno vai a uma reunião e assim que ele sai, Célia e Teixeira se beijam. Célia afirma que vai se separar do marido e Teixeira diz para ela esperar a situação de Bruno e Arminda se firmarem na Patrimônio. Bruno relembra a conversa que acabara de ter com Célia e Teixeira e entra na empresa com um ar sombrio. Bruno encontra Querêncio saindo da empresa e pergunta o que ficou resolvido com Arminda, mas o pintor não entra em detalhes. André diz a Sérgio que Lincon e Ajuricaba vão se dar mal. Arminda é forçada por Bruno a contar o que Querêncio decidiu fazer em relação à moradia. Bruno diz que vai consultar a diretoria na Europa sobre Arminda morar com o dono da empresa. Marisa deixa que Querêncio decida sobre a moradia e diz que ela decide se vai parar de dançar ou não. Ajuricaba vai à Prefeitura, estranha a demora de Virgínia no médico e vai falar com o prefeito. Ari reclama a ausência da secretária e Ajuricaba liga para casa. Virgínia e Sônia decidem contar sobre a gravidez a Ajuricaba só depois que sair o resultado do exame. O telefone toca e Virgínia vai atender tensa. Arminda conta a Diana que Querêncio vai morar com eles e a menina reclama do cheiro de cachaça dele. Sônia diz a André que ela não tem nada sério e ele conta sobre a prensa que o pai dela deu em Sérgio. Assustada e insegura, Sônia pergunta a André se ele a ama e se nunca a abandonaria. Apesar de estranhar a pergunta, ele diz que a ama muito. Virgínia convence Ajuricaba que Sônia só está estressada. Querêncio, Filomena, Romeu e Sancha conversam. Querêncio fica incomodado com a viagem de Tito, mas Romeu consegue mudar de assunto. O pintor conta sobre o casamento com Marisa para a Filomena. Marisa diz a todos da boate que decidiu aceitar o pedido de casamento. Ela diz que vai parar de dançar e quer uma festa de despedida. Filomena aprova a mudança de Querêncio para o Solar. Karina conta aos pais que é evidente que vai se casar com Nicolau e que a ambição dos dois vai além de um simples relacionamento. Flores diz a Nicolau para não confiar tanto em Karina. O Senador assegura que ela é perfeita para seus planos. Flores e Nicolau comemoram o início da segunda etapa da conspiração e fazem um brinde ao Presidente da República.

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

  ©Noticias da tv brasileira - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo