sábado, 15 de dezembro de 2018

Resumo da novela A Terra Prometida 17 a 21 de dezembro de 2018

Capitulo 104, segunda-feira, 17 de dezembro – Samara fica impressionada ao saber que Aruna é o Soldado Mascarado. Durgal ordena a prisão de Tiléia. Melina se abre com Najara e diz que jamais se casará com Yussuf. Em conversa com Josué, Aruna diz sentir falta de sua mãe. Yana pesca dm um lago para se alimentar. Josué e Aruna trocam palavras de amor. Ruth se irrita ao ouvir Boã dizer que fará uma simples cerimônia de casamento. Laila diz querer que a filha se case com uma grande festa. Tirda se incomoda com o mau cheiro de Haniel. Zaíra permite a presença de Kira na hospedaria. Arauto procura Tiléia na masmorra e diz querer ajudá-la. Ruth e Livana conversam sobre os preparativos de seus casamentos. Tirda reclama do fedor de Haniel e diz que não dormirá ao seu lado. Samara conta para Léia sobre o segredo de Aruna. Escondidos, Kalu e Kira vão até a masmorra para falar com Tiléia. Léia diz que encontrará um jeito de usar esse segredo contra Aruna. Josué e Aruna fazem planos para o futuro. Josué avisa que o próximo alvo dos hebreus será o reino de Ai. Acsa diz ter gostado do presente dado por Otniel. Josué diz que Salmon e Melquias serão espias novamente, desta vez no reino de Ai. Salmon se entristece ao perceber o ciúme de Jéssica. Orias diz que vai deixar o acampamento. Milah pede para o marido ter paciência. Zaíra leva alguns animais para um ritual de Ravena no palácio. Acã avisa que será lucrativo um casamento entre Gibar e Acsa. Kira e Kalu se escondem de alguns soldados no corredor do palácio de Ai. Salmon comunica à família de Raabe sobre a nova missão que enfrentará. Durgal diz que desfrutará dos encantos de Tiléia. Acã procura Calebe e pede a mão de Acsa para Gibar. Ravena joga os coelhos trazidos por Zaíra em uma fogueira. Kalu se impressiona ao descobrir que a dona da hospedaria é uma bruxa. Ruth tenta convencer Boã a fazer uma grande festa de casamento. Arauto tenta amparar Tiléia. Durgal pede o corpo da moça em troca do corpo de Rafi. Tiléia se recusa a deitar com Durgal, mas o rei diz que ela será obrigada. Kalu diz que precisa salvar os Lagartos das garras de Zaíra. Acã pergunta se Calebe autoriza que Acsa se case com Gibar. Arauto consegue convencer Durgal a desistir da ideia de deitar-se com Tiléia. Calebe pede um tempo para responder a Acã. Maquir provoca Rune e eles saem no tapa. Calebe conversa com Noemi e diz não concordar com a união entre Acsa e Gibar. Elidade tenta descobrir o motivo da briga, mas Rune desconversa. Kalu avisa aos Lagartos sobre o perigo de estarem próximos à Zaíra. Livana descobre que Rune brigou com Maquir e fica sem resposta para dar à Laila. Ao tentarem fugir, os Lagartos são surpreendidos com a chegada de Zaíra. Elidade e Laila questionam Livana, mas ela consegue disfarçar. Tiléia agradece pela atitude de Arauto. Zaíra impede que os Lagartos fujam. Noemi tenta convencer Acsa a esquecer Gibar. Acã conversa com os filhos e critica Calebe. Acsa encontra o presente deixado por Otniel em sua tenda. O guerreiro atrapalhado se abre com Quenaz. Maquir e Gael tentam convencer Haniel a tomar banho. Zaíra descobre que Kalu já sabe de seu segredo. Os Lagartos conseguem atacar a bruxa e escapam. Na fuga, Lagartinho acaba sendo detido pela dona da hospedaria. Tirda reclama da falta de banho de Haniel. Josué reúne os líderes tribais e avisa sobre sua relação com Aruna. Paltiel, Samuel e Jogli criticam a atitude do líder de Israel. Livana agradece a proteção de Rune. Calebe conversa com Noemi e critica a decisão de Josué de se envolver com Aruna. O líder avisa à guerreira sobre o aviso que deu. Mara também critica a relação de Josué e Aruna. Eleazar e Inês falam sobre o poder de Deus com Raabe e seus familiares. Kalu e os Lagartos se desesperam ao notarem que Lagartinho foi capturado por Zaíra. A dona da hospedaria tenta fazer o menino comer ainda mais. Arauto tenta convencer Durgal a libertar Tiléia, mas o rei se recusa. Quemuel diz que encontrará um marido para Samara. A vilã cai no choro. Kamir conversa com Yussuf e cobiça o trono de Durgal. Arauto chega sem ser notado e escuta a conversa. Calebe procura Acã para dar a resposta sobre o noivado entre Acsa e Gibar. Yana observa Aruna de longe. A moça percebe que está sendo observada. Ela se antecipa e surpreende Yana.


Capitulo 105, terça-feira, 18 de dezembro – Yana diz ser uma hebreia e Aruna oferece ajuda. A forasteira diz que não pode falar muito sobre sua vida e vai embora. A guerreira fica encafifada. Calebe procura Acã e diz que não permite o casamento entre Acsa e Gibar. Kamir e Yussuf descobrem a presença de Arauto na sala do trono. Acã oferece ouro para que Calebe conceda a mão de Acsa para Gibar. Arauto suplica por sua vida e diz não gostar de Durgal. Yussuf diz que o rapaz pode ser útil. Arauto pede para libertarem Tiléia. Acã avisa que Calebe não terá mais sua amizade. Arauto diz que pode ajudar Kamir a destruir Durgal. Léia tenta convencer Samara a aceitar um novo pretendente. Aruna conversa com Josué e fala sobre a mulher misteriosa. Ela diz que pode ser sua mãe. Kalu pede ajuda a Deus para salvar Lagartinho das garras de Zaíra. A dona da hospedaria tenta fazer com que o menino coma mais. Um pastor de ovelhas procura Josué e diz que os animais foram devolvidos tosados e sem ferimentos. O líder fica preocupado. Tiléia é libertada da masmorra. Eleazar e Inês passam os ensinamentos religiosos para Raabe e os outros estrangeiros. Mara diz não admitir que as crianças do acampamento aprendam sobre Deus junto com as crianças cananeias. Ela procura Acã. Raabe agradece a hospitalidade de Salmon. Acã diz que ajudará Mara a arrumar um jeito de impedir a presença dos estrangeiros em Gilgal. Eleazar não os escuta e eles dizem que precisam falar com os pais das crianças hebreias. Zaqueu pede Chaia em casamento. Tirda reclama do cheiro de Haniel. Ula se abre com Melina e diz que Kamir pretende matar Durgal. A jovem procura Ravena e conta o que ouviu de sua mãe. A feiticeira aconselha Melina a contar para Yussuf. Acã elogia a beleza de Mara. Otniel tenta pescar em um riacho próximo ao acampamento. Tiléia volta para casa e reencontra Kira. Os Lagartos dizem que Arauto pode ajudar a libertar o Lagartinho. Aiúde estranha o comportamento de Mara. Salmon e Melquias se despedem de seus familiares e seguem para a missão dos espias, desta vez no reino de Ai. Jéssica sente ciúmes de Raabe. Melina conta para Yussuf que Kamir quer matar Durgal para tomar seu lugar. O general diz que é preciso contar ao rei. Eles chegam na sala do trone e a moça se assusta ao ver Kamir sentado no trono. Otniel encontra a pegada de um gigante.

Capitulo 106, quarta-feira, 19 de dezembro – Otniel corre para contar a Josué sobre a pegada de gigante que encontrou próximo ao riacho. Kamir diz que Melina o traiu. A moça implora para ser perdoada. Josué é avisado sobre a pegada do gigante e sai para falar com os outros guerreiros. Kamir manda prenderem Melina na masmorra. Samara não se conforma em casar com o novo pretendente. Josué, Otniel e os outros guerreiros saem para verificar o local onde a pegada foi encontrada. Acã diz que Gibar precisa desonrar Acsa. O vilão manda o filho presentear a moça com uma joia. O carcereiro Kruga amedronta Melina na masmorra. Ula implora para kamir libertar a filha. Tiléia, Arauto e os Lagartos armam um plano para libertar Lagartinho. Josué, Otniel e os outros guerreiros não encontram a pegada. Eles são observados de longe. Gibar presenteia Acsa com uma joia. Ela avisa sobre o perigo de estarem juntos. Acã duvida da palavra de Otniel. Josué alerta seu povo sobre a possível presença de um gigante próximo ao acampamento. Aruna pede para Calebe trinar com ela. O líder tribal se surpreende com a destreza da guerreira. Ao saber da reação de Samara, Aruna avisa que dormirá no celeiro. Acã e Mara convencem Haniel a proibir Gael de andar com as crianças cananeias. Arauto chega à hospedaria e finge estar interessado em Zaíra. Tiléia chega e faz um barraco, fingindo ser esposa do mensageiro. Kalu aproveita a confusão e rouba as chaves de Zaíra. Ele consegue libertar Lagartinho. A bruxa fica furiosa ao saber que foi enganada. Mara e Acã tentam jogar Elias e Jéssica contra os estrangeiros. Tiléia, Arauto e os Lagartos comemoram o êxito do plano. Acã tenta dar em cima de Mara, mas ela fica sem graça e diz que precisa ir. Haniel proíbe o filho de andar com os filhos de Milah. Durgal é bajulado pelos nobres do palácio. Haniel diz não aguentar os sermões de Tirda. Boã e Rune decidem fazer seus casamentos em uma mesma cerimônia. Zaqueu avisa que se casará com Chaia e diz que pode ser um casamento triplo. Todos concordam. Ravena finge compaixão e visita Melina na prisão. A feiticeira encontra Kamir e diz ter a confiança da jovem. O prefeito rouba um beijo da feiticeira, que se faz de difícil e deixa o local. Inconformado com o noivado entre Zaqueu e Chaia, Tobias se abre com Zuma e diz odiar o arqueiro. Jéssica impede que Lila fique perto de Raabe. Melquias e Salmon chegam aos portões do reino de Ai. Em um ato impulsivo, o filho de Acã acaba chamando a atenção de dois soldados.

Capitulo 107, quinta-feira, 20 de dezembro – Salmon e Melquias começam a lutar com os dois soldados que vigiavam os portões do reino de Ai. Jéssica nota que Lila não está em sua tenda. Ela sai para procurar a menina. Raabe diz que é hora de sua família ter a própria tenda. Melquias e Salmon conseguem matar os dois oficiais. Eles começam a tirar os uniformes dos soldados e entram na cidade disfarçados. Lila aparece na tenda de Salmon e diz querer ficar com Raabe. Iru encontra a joia que Acsa ganhou de Gibar e alerta a irmã sobre o perigo que está correndo. Acã diz que Gibar deve conquistar a moça. Kamir é avisado sobre a morte dos dois soldados. O general Yussuf avisa sobre a precariedade do exército de Ai. Tirda critica a falta de higiene do marido. Ela reclama da maneira como Haniel trata Gael. Kamir avisa a Durgal sobre a morte dos oficiais. O prefeito diz que cuidará de tudo. Jéssica não encontra Lila e pede ajuda à Mara. Quemuel diz já ter um pretendente para Samara. Kalu e os Lagartos saem para roubar comida. Zaíra os vê e manda dois soldados os prenderem. Léia conversa com a filha e diz que o pretendente se chama Abel. Samara se mostra inconformada e tem uma ideia. Sama recebe os conselhos de Inês. Elias vai até a tenda de Laila para vender um vestido para Livana e Ruth. Chaia e Zaqueu fazem planos para o futuro. Kalu se surpreende ao notar que os dois soldados que o perseguem são Salmon e Melquias. Tobias procura Chaia e declara novamente seu amor. Kalu diz que ajudará Salmon e Melquias a se abrigarem. Ula visita Melina na prisão e diz que a filha precisa obedecer Kamir. O prefeito pergunta se a mulher fez tudo como ele mandou. Kalu chega na casa de Tiléia com comida e trazendo os dois hebreus. Quemuel e Léia recebem Abel, o novo pretendente de Samara. A vilã aparece descabelada e malvestida para espantar o rapaz. Ravena conversa com Kamir e Yussuf. A feiticeira diz que é preciso aproveitar o momento que Durgal está doente para executá-lo. Tobias rouba um beijo de Chaia, mas a moça lhe acerta um tapa na cara. Jéssica encontra Lila na tenda de Salmon, junto com Raabe, e faz um escândalo.

Capitulo 108, sexta-feira, 21 de dezembro – Josué questiona a atitude de Jéssica e diz que providenciará uma tenda para a família de Raabe. Tobias diz que Zaqueu não é digno de Chaia. Abel mostra interesse em Samara. Kamir, Yussuf e Ravena tramam a morte de Durgal. Salmon e Melquias se vestem com as roupas de Rafi. Samara tenta fingir ser desajeitada para espantar Abel. Tobias entra furioso na tenda. Quemuel tenta consolar o filho. Raabe agradece a Calebe por sua nova tenda. Orias reclama da atitude de Jéssica. Na missão dos espias, Salmon descobre que o exército de Ai não está bem preparado. Yussuf tenta descobrir o paradeiro dos invasores. Para tentar afastar Abel, Samara prepara uma sopa com pedras. Lila discute com Jéssica. Na hospedaria de Zaíra, Salmon e Melquias prestam atenção na conversa de Yussuf. Eles escutam o general dizer que existe muita corrupção no reino. Maquir procura Livana. Samara serve a sopa de pedras para Abel e ele diz ter adorado a comida. Ela se decepciona. Maquir trata Livana com carinho. Sem graça, ela deixa o local. Zaíra alerta Yussuf para a presença de Salmon e Melquias na hospedaria. Os hebreus não conseguem disfarçar e eles lutam com os oficiais cananeus. Salmon e Melquias levam a melhor e conseguem fugir. Yussuf esbraveja. Ravena, com a ajuda de Jordi, prepara uma poção para matar Durgal. Ela diz a Kamir que em breve o rei estará morto. Yussuf avisa sobre a luta com os hebreus na hospedaria. Livana inventa uma desculpa sobre sua demora. Tirda fica chateada com a grosseria de Haniel. Mara e Jéssica comentam sobre os estrangeiros. Tirda se irrita com a falta de educação do marido e vai para o quarto. Na casa de Tiléia, Salmon avisa que o melhor a ser feito é interromper a missão em Ai. Yussuf visita Melina na prisão. Ela pede para o general libertá-la como prova de seu amor. Tirda e Haniel discutem. Ela vai dormir no celeiro com Gael. Yussuf pede para Kamir libertar Melina. Acã rouba um beijo de Mara e ela lhe acerta um tapa na cara. O vilão se assusta e ela mostra indecisão. Eles então se beijam. Abel conversa com Samara e diz saber que ela está tentando lhe afastar. Ele diz que ficou ainda mais interessado nela. Samara fica furiosa. Léia e Quemuel dizem que precisam ter uma conversa com a filha. Kamir liberta Melina. Jordi consegue jogar a poção dentro do prato de Durgal. O rei pede para Arauto experimentar a sopa antes. O ex-mensageiro de Jericó começa a passar mal. Durgal grita para chamar os guardas e diz que alguém tentou envenená-lo.

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

  ©Noticias da tv brasileira - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo