sábado, 13 de março de 2021

Resumo da novela Belaventura de 15 a 19 de março de 2021

Capítulo 006, segunda-feira, 15 de março - Alguns convidados já estão no salão do castelo de Belaventura. Elia comenta com Mistral que o rei não participará da festa. Elia conta sobre a suspeita de invasão do castelo. Cedric orienta os cavaleiros para ficarem atentos a qualquer movimentação estranha. Jacque afronta Cedric ao dizer que pelos fundos do castelo qualquer um poderia entrar. Jacque diz que ele será o homem que ganhará a confiança do rei e se tornará o comandante da guarda. Biniek oferece Pietra para alguns homens. Pietra consegue fugir e levar consigo a caixa. Pietra corre pela mata e encontra dois bufões e pede para a tirarem dali. Eles aceitam e pedem que ela os ajude em troca. Os arautos tocam as trombetas anunciando a entrada da família real. Corinto se coloca num ponto de destaque do salão. Enrico adentra o salão vestindo um traje festivo e chama a atenção de todos. Ele usa o colar de Pietra. Enrico se junta a suas irmãs Carmona e Lizabeta. Lizabeta diz que Enrico está deslumbrante. Enrico se desculpa com Paris por não ter comparecido no encontro com Tamar. Tamar faz reverência e Enrico beija a mão dela. Na fronteira do reino, Severo se oferece aos cavaleiros para seguir com eles. Severo é reconhecido como o conde de Valedo que está foragido e é cercado. Marion e Fernão se beijam na cama, calorosamente. Brione diz à Laurinda que vai se casar com Gonzalo e que sua mãe não a entende. Gonzalo também confessa à Tiana que não desistirá de seu amor. Nodier se aproxima de Carmona com Cedric e beija sua mão. Tácitus está por ali e olha para Carmona de cima para baixo, ela percebe. Enrico diz a Mistral que está intrigado com a presença de Jacques no castelo. Mistral diz que é um voto de confiança do rei. Severo tenta convencer os cavaleiros a se juntarem a ele para tomar Belaventura, porém os cavaleiros dizem que foram contratados por outra pessoa para fazer o mesmo e Severo se surpreende. Enrico está desconfiado que algo de estranho ronda o castelo e que Mistral e Bartolion escondem o que está para acontecer. Solimara está nervosa porque todas as facas sumiram da cozinha. Os bufões chegam com Pietra vestida num bonito traje e nas mãos a caixa da mãe. Enrico não fica à vontade enquanto dança com Tamar. Todos estão dançando no salão do castelo quando Pietra entra e fica completamente extasiada. Ela não vê rosto de Enrico. Na fronteira do reino, Severo luta contra os cavaleiros de Belaventura. Enrico discute com Otoniel. A apresentação dos bufões acaba e Lizabeta pede para que Pietra fique. Jacques grita para que ninguém saia do castelo e todos se assustam. Jacques lança um punhal no homem que estava próximo de Carmona. O homem mesmo ferido transforma Carmona em refém. Após discutir com o pai, Enrico deixa o local usando apenas calça e uma camisa simples. Enrico é encapuzado. Otoniel chega e salva Enrico que pretende recuperar a espada e salvar suas irmãs. Otoniel diz a Enrico para voltar para o quarto e se proteger. Carmona está apavorada com o punhal no pescoço. Otoniel se oferece no lugar da filha e todos se espantam. Pietra aproveita e corre dali. No meio do salão, outros homens tiram suas facas das roupas e fazem mais reféns. Otoniel é cercado. Pietra se esconde quando é surpreendida por um homem com uma espada e ela pede que não a machuque. É quando ela reconhece que é Enrico, no espanto dos dois. Enrico reconhece Pietra que está assustada. Pietra quer deixar o castelo, mas antes precisa pegar sua caixa que ficou na cozinha. Enrico diz que o castelo está fechado e que vai ajudá-la. Severo vence os cavaleiros da tropa de Belaventura. Quixote se detém ao ver Tácitus se dirigir, disfarçadamente, ao homem que faz Carmona de refém, sem ser visto. Otoniel continua diante de todos e pede aos homens que se rendam. Nos fundos do palácio, Daros e Gregor roubam alimentos do depósito. Laurinda vai até Gonzalo dizer que Marion proibiu Brione de vê-lo. Otoniel permite que os homens fujam. Tácitus aproveita o descuido e vai para cima dos homens. Enrico salva Otoniel. Um homem chega por trás de Enrico com uma espada. Jacques chega por trás dele e o mata, salvando Enrico. Daros é surpreendido por uma armadilha e fica de ponta a cabeça. Otoniel agradece Jacques pela bravura.

Capítulo 007, terça-feira, 16 de março - Enrico se encontra com Pietra que deseja ir embora. Accalon encontra Daros e Gregor no depósito e pergunta se são saqueadores. Accalon ajuda eles a fugirem, mas Inesita chega e grita para prendê-los. Enrico se emociona com história de vida de Pietra. A caixa de Pietra está sobre a mesa. Otoniel entra no local, seguido por Bartolion. Cedric tortura um homem na masmorra para que confesse quem autorizou sua entrada no castelo. O homem grita de dor e confessa ter sido um cavaleiro vestido todo de azul. Accalon, Daros e Gregor caminham pela trilha. Lizabeta entra no quarto de Enrico e Pietra se apavora e consegue escapar sem ser vista. Enrico a encontra no corredor e a leva para outro lugar. Pietra vê a caixa e se emociona. Pietra agradece a Enrico e os dois acabam se beijando. Pietra diz a Enrico que já tem a caixa e precisa ir embora. Enrico diz à Pietra que ela ainda corre perigo no castelo e que precisa se esconder. Pietra não consegue pegar a caixa em cima da mesa. Severo encontra com Fernão e pergunta o que queria com a invasão mal sucedida ao castelo. Fernão responde que apenas cumpriu ordens. Pietra sai do esconderijo e pega a caixa que Otoniel pede para guardar. Pietra foge e Otoniel grita pelos guardas. Otoniel pede que Enrico se explique. Bartolion ajuda Pietra. Lizabeta pergunta porque Enrico protegia Pietra. Bartolion carrega Pietra escondida em cima da carroça e chega à vila. Tamar desapontada com o baile, diz a Páris que não quer mais se casar com Enrico. Brione está feliz e abraça Laurinda, que está exausta. Brione agradece Laurinda por ter se arriscado em buscar informações de Gonzalo. Otoniel está intrigado com a caixa e com Pietra e comenta com Mistral que ninguém pode saber sobre o ocorrido. Cedric está à porta e ouve tudo. Cedric visita Corinto na masmorra que se ajoelha e pede misericórdia, pois não sabe de nada. Pietra dorme no casebre de Bartolion. Bartolion encontra um papiro no fundo do baú e tenta identificar o desenho de quatro caixas como a de Pietra. Brione parabeniza Jacques por salvar a família do rei. Enrico chega ao local onde encontrou Pietra pela primeira vez. Bartolion aparece e pergunta o que procura. Bartolion revela a Enrico que Pietra está sob seus cuidados. Biniek procura por Pietra na taverna de Falstaff. Enrico entra na casa com Bartolion e Pietra se apavora. Pietra está bastante nervosa diante de Enrico e Bartolion. Pietra pede que eles se afastem ou ela ameaça queimar tudo com a tocha que tem nas mãos. Pietra encara Enrico. Biniek foge de Nodier. Enquanto bebe água com as mãos trêmulas, Corinto comenta com Solimara que pensou que iria morrer. Cedric e Mistral estão diante do rei Otoniel, que parece tenso. Otoniel ordena que os homens que invadiram o castelo morram diante do povo. Marion e Jacques chegam ao castelo. Severo pede para os homens que guardem as espadas e tudo que retiraram dos cavaleiros de Belaventura que foram derrotados. Otoniel está diante de Marion e Jacques e Mistral estão presentes. Otoniel libera a família de Jacques do exílio no castelo de Valedo diante do livramento que salvou o príncipe, e permite que circule livremente no reino de Belaventura. Otoniel nomeia Jacques cavaleiro real. Marion agradece Otoniel por tudo que fez por eles. Marion se insinua para Otoniel. Marion diz a Otoniel que se eles se casassem, manteriam a união do reino. Otoniel rejeita. Cedric dá um balde com esfregão para Jacques e diz que ele já pode começar sua função limpando as cocheiras. Pietra pede desculpas a Enrico e os dois se olham envolvidos. Enrico pega as mãos de Pietra e faz uma proposta de esquecer o passado e viver uma nova história juntos. Pietra e Enrico se beijam.

Capítulo 008, quarta-feira, 17 de março - Pietra sorri para Enrico, ambos muito envolvidos. Otoniel conversa com Bartolion e diz que Enrico está fugindo de uma conversa, e que está protegendo uma moça suspeita. Otoniel está preocupado com a caixa que ela carregava. Nodier ameaça Tácitus, Gregor e Daros que estão na masmorra. Jacques está limpando a área dos cavalos e Carmona o provoca. Jacques sem querer, dá um banho de água suja em Carmona que fica furiosa. Brione se encontra com Gonzalo na oficina e diz que não é mais prisioneira no castelo. Joniel chega e se surpreende ao ver Brione e Gonzalo juntos. Biniek vai até a casa de Bartolion procurar por Pietra. Enrico esconde Pietra e a caixa. Biniek está diante de Enrico. Otoniel diz a Bartolion que confia em Cedric para conduzir a punição aos invasores. Marion está radiante e feliz diante de Arturo e revela que o primeiro passo em direção ao trono já foi dado. Matriona está bastante nervosa diante de Quixote que lamenta que o filho Tácitus esteja preso na masmorra. Biniek vai embora e Pietra sai do esconderijo e abraça Enrico. Gonzalo e Brione se beijam e são observados por Severo. Enrico discute com Otoniel que pretende punir os conspiradores diante do povo. Fernão, vestido como cavaleiro azul, encontra o responsável por facilitar a entrada dos invasores e lhe dá um saquinho com moedas de prata, ele diz que jamais poderá ser revelado o que aconteceu no castelo. Corinto e Solimara se espantam com o corpo de um homem assassinado por Fernão.

Capítulo 009, quinta-feira, 18 de março - Pietra observa Bartolion e Cedric discutindo, enquanto Enrico observa os condenados no cadafalso. Otoniel está em seu trono, visivelmente perturbado. Mistral está ao seu lado. O povo grita para os traidores. Enrico observa os criminosos. Solimara e Corinto conversam com Mistral a respeito da morte de Pelinor e suspeitam que ele era o traidor. Solimara acha no quarto de Pelinor um baú e abre na frente de Mistral. Mistral retira um mapa do castelo. Carmona diz a Nodier que seu pai Otoniel proibiu todos de assistirem às execuções. Nodier beija Carmona que dá um tapa em seu rosto. Elia consola Mistral que está intrigado com a morte de Pelinor. Mistral diz que precisa saber quem é o cavaleiro azul e a quem ele serve. Na floresta, a roupa do cavaleiro azul é queimada por Severo, diante do olhar de Fernão. Severo dá outro serviço a Fernão e quer que ele descubra quem é o homem com quem Brione tem se encontrado. Páris conversa com Otoniel e cobra o cumprimento do combinado casando Tamar com Enrico. Otoniel fica surpreso diante de Páris. Cedric autoriza a execução. Enrico discute com Otoniel pela carnificina. Enrico diz a seu pai que quer ir morar em outro castelo. Otoniel diz que Enrico pode morar onde quiser, desde que seja casado. Enrico diz que vai embora imediatamente e Otoniel diz que seu casamento com Tamar será em dois dias. Tamar fica espantada com Páris sobre seu casamento. Nodier provoca Jacques que está de avental e pendurando tripas. Nodier ameaça Jacques e pede que desista de permanecer no castelo e que jamais será admitido na tropa do rei. Marion diz a Cedric que está preocupada com o tratamento que Jacques está recebendo no castelo e propõe aliança. Enrico encara Otoniel e Mistral observa, atento. Bartolion chega e não encontra Pietra em casa. Pietra caminha apressadamente, com a caixa nas mãos, em instantes ela se depara com Biniek.

Capítulo 010, sexta-feira, 19 de março - Pietra fica cara a cara com Biniek. Ela está apavorada e tenta fugir. Biniek a segura pelo cabelo. Enrico discute com Otoniel e afirma que não irá se casar com Tamar. Brione revela à Laurinda que não consegue parar de pensar em Gonzalo. Laurinda lembra Brione que seu relacionamento com Gonzalo não é aceito por sua família. Carmona fica indignada com a recusa do casamento de Enrico com Tamar e exige explicação do irmão. Pietra luta com Biniek e usa os movimentos de defesa que Enrico lhe ensinou e consegue fugir. Polentina provoca Tácitus. Carmona reclama com seu pai que a postura de Enrico em não casar-se com Tamar é inaceitável. Carmona diz a Otoniel que ela está preparada para ser a sucessora no trono e Otoniel se surpreende. Dulcinéa ajuda Pietra a despistar Biniek. Gonzalo vai até a taverna de Fasltaff reclamar dos altos impostos. Marion está radiante diante de Leocádia sobre o convite para uma visita a Otoniel. Nodier fica furioso com Cedric que elegeu Jacques para ser chefe da guarda. Enrico vai para a floresta a procura de Pietra. Pietra adormece na floresta e quando acorda se surpreende ao ver Biniek na sua frente. Lizabeta entra no quarto de Enrico para avisar que a cerimônia já vai começar e percebe que o irmão não está ali. Jacques fica de joelhos diante de Otoniel que é nomeado cavaleiro. Na floresta, Severo está diante de Pietra após bater muito em Biniek. Pietra está apavorada e Severo tem a caixa nas mãos. Severo pergunta de onde ela conseguiu a caixa e Pietra responde que era de sua mãe. Severo ordena que o leve até sua mãe e Pietra diz que sua mãe está morta. Pietra recorda que Severo é o conde acusado de matar a rainha. Severo nega e diz que irá matá-la caso abra a boca.

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

  ©Noticias da tv brasileira - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo